Google amplia suporte do Chrome no Windows 7 até janeiro de 2023

1 min de leitura
Imagem de: Google amplia suporte do Chrome no Windows 7 até janeiro de 2023
Imagem: Microsoft
Avatar do autor

A Google ampliou em mais um ano o suporte do navegador Google Chrome para o sistema operacional Windows 7. A plataforma já é considerada defasada pela própria Microsoft e deixou de receber atualizações de várias empresas e fornecedoras de serviços.

De acordo com o novo calendário, o Google Chrome ainda terá "atualizações críticas de segurança e desempenho" até o dia 15 de janeiro de 2023. Anteriormente, esse suporte acabaria neste ano, mas a desenvolvedora anunciou um primeiro prolongamento para o começo de 2022.

Até por isso, outros navegadores que são baseados no motor Chromium também podem receber a mesma expansão de validade, mas o comunicado deve ser realizado individualmente por cada desenvolvedora.

Fim da linha

O Windows 7 teve o fim do suporte oficializado em 14 de janeiro de 2020 e não utiliza mais o Windows Update, mas o calendário para a indústria "desapegar" da versão é um pouco diferente. A adoção ainda massiva em computadores obrigou a Microsoft e outras companhias a não abandonarem completamente a plataforma. Um exemplo é o navegador Microsoft Edge, que recebeu uma atualização no Windows 7 agora em outubro.

Por outro lado, a Nvidiaencerrou o suporte a drivers no sistema operacional — que só pode ser atualizado para o Windows 11 com uma instalação limpa, ou seja, que apaga configurações e aplicativos e exige um backup externo.

Clientes corporativos e do plano Enterprise do Windows 7 podem se inscrever para receber as Extended Security Updates (ESU) até janeiro de 2023.

Fontes