Atualização do Windows 11 piora performance de chips AMD

1 min de leitura
Imagem de: Atualização do Windows 11 piora performance de chips AMD
Imagem: Unsplash
Avatar do autor

Na última semana, a AMD revelou um comunicado sobre a queda de desempenho dos chips em computadores que atualizaram para o Windows 11, lançado oficialmente no dia 5 de outubro. Infelizmente, parece que a primeira atualização do sistema operacional da Microsoft não corrigiu os problemas e, inclusive, piorou a performance.

De acordo com informações do site TechPowerUp, a última atualização lançada para o Windows 11 deixou os computadores com a latência ainda maior. Os testes realizados com um chip Ryzen 7 2700X revelaram lentidão de resposta no cache L3, que passou de 17ns para 31,9ns.

Fonte:  Unsplash 

Dois erros corrigidos até o fim do mês

De acordo com a AMD, são dois problemas: o primeiro já foi comentado e é na latência do cache L3; o segundo erro está relacionado ao gerenciamento de núcleos dos processadores, que deveria direcionar aplicações para os núcleos mais rápidos — o problema costuma afetar as máquinas com 8 ou mais núcleos.

Apesar de ser um problema sério para os donos de processadores AMD, será lançada uma atualização de correção antes do fim do mês. Segundo rumores, a Microsoft deve lançar uma atualização no dia 19 de outubro que pode corrigir o problema no cachê L3, já a correção dos núcleos deve chegar antes do fim de outubro.