MIUI 13 terá função que converte armazenamento em 'RAM virtual'

1 min de leitura
Imagem de: MIUI 13 terá função que converte armazenamento em 'RAM virtual'
Imagem: Xiaomi
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

A nova MIUI 13, interface customizada da Xiaomi esperada para o mês que vem, deverá trazer um novo recurso que promete melhorar o desempenho de seus dispositivos, inclusive os mais antigos. Segundo um vazamento publicado no Weibo na sexta-feira (23), a UI do Android feita pela gigante chinesa contará com uma ferramenta de expansão de memória.

Semelhante ao recurso de RAM virtual já presente nos smartphones da Oppo e da Vivo, a funcionalidade permitirá que qualquer aparelho da Xiaomi obtenha 3 GB de memória RAM adicionais, utilizando o armazenamento do próprio telefone como RAM, quando o recurso for demandado.

Descrito no microblog Weibo pelo usuário “Digital Chat Station”, o recurso de aumento de RAM não representa grande mudança para os aparelhos top de linha da Xiaomi. No entanto, para os dispositivos de gerações anteriores, além de intermediários da Redmi e Poco, a novidade representará um importante incremento no desempenho.

Possivelmente, a expansão de memória chegará como uma opção oferecida nas configurações da MIUI 13 que, tão logo ativada, será capaz de fazer uma varredura no armazenamento interno do dispositivo. Se detectada uma disponibilidade de espaço, o recurso usará até 3 GB como memória RAM virtual.

Lançamento da MIUI 13

Fonte: Pplware/ReproduçãoFonte: Pplware/ReproduçãoFonte:  Pplware 

A MIUI 13 deverá ser lançada no final de agosto e a expectativa é de que irá trazer muitas surpresas, incluindo papéis de parede, fontes, animações e ícones de aplicativos. Isso dará um aspecto visual inédito ao sistema operacional baseado em Android, além de um possível modo de janela flutuante para jogos.