Microsoft pode lançar serviço de desktop virtual com Windows

1 min de leitura
Imagem de: Microsoft pode lançar serviço de desktop virtual com Windows
Imagem: Reprodução / ALumia
Avatar do autor

O Microsoft Cloud PC, conhecido internamente pelo codinome “Deschutes”, será uma espécie de desktop Windows com tecnologia Azure oferecido para empresas que desejam mais segurança no acesso a determinados computadores, um desktop móvel ou que não podem ou não querem atualizar hardware. Nas últimas semanas, imagens do serviço de virtualização de PCs vazaram e mostraram um pouco do visual da novidade.

No evento de 24 de junho da Microsoft, em que revelou o Windows 11, a empresa ignorou alguns itens esperados pelos usuários, incluindo a suposta iniciativa de um PC em nuvem. Contudo, um vazador confiável no Twitter, o perfil italiano ALumia, postou novas imagens promocionais da interface do serviço de virtualização da companhia.

Microsoft Cloud PC roda no navegador

O Cloud PC da Microsoft seria oferecido por meio do navegador e os usuários seriam capazes de escolher entre uma série de instâncias, com estados e configurações salvos.

Com as novidades pipocando e aquecendo os rumores, espera-se que o Microsoft Inspire, que acontece dias 14 a 15 de julho, revele mais detalhes sobre a iniciativa.

A Microsoft agendou uma sessão chamada "What's Next in End-User Computing" (ou O que vem a seguir na computação para o usuário final, em português) para o último dia.

PC Cloud da Microsoft tem visual vazado antes do lançamentoPC Cloud da Microsoft tem visual vazado antes do lançamentoFonte:  ALumia 

Um dos palestrantes da sessão, que é "sobre a mais nova solução em nuvem da Microsoft para o trabalho híbrido", é Scott Manchester, cujo cargo de direção envolve desktops virtuais. Fontes afirmaram que, meses atrás, Manchester estava trabalhando no serviço de PC em nuvem com tecnologia Microsoft Azure, de codinome "Deschutes".

Ainda de acordo com as fontes, a Microsoft planeja vender o Cloud PC como uma experiência que faz parte do Microsoft 365 a um preço fixo por usuário. Outro vazamento sugere que a empresa pode vender algumas opções de assinatura de PC em nuvem (originalmente chamadas de Medium, Heavy e Advanced), com cada uma oferecendo uma quantidade diferente de CPU, RAM e armazenamento).  O Cloud PC ainda estaria, inclusive, em teste privado com várias organizações de grande porte.

A Microsoft se recusou a comentar e não confirmou nem desmentiu os rumores atuais.

Microsoft pode lançar serviço de desktop virtual com Windows