Bug no Google Chrome trava navegador no Windows 10, mas há correção

1 min de leitura
Imagem de: Bug no Google Chrome trava navegador no Windows 10, mas há correção
Imagem: WindowsLatest
Avatar do autor

Segundo o WindowsLatest, uma atualização liberada hoje (21) pelo Google Chrome está causando travamentos constantes do navegador no Windows 10. De acordo com o site, o problema não apareceu até agora em usuários do macOS ou do Linux. Ao que parece, há um padrão nas ocorrências: o Chrome está travando ao carregar as extensões.

Quando o travamento ocorre, surge um prompt do sistema ou o usuário é simplesmente levado de volta à Área de Trabalho, mas há uma correção para o erro.

Erros no Chrome têm afetado usuários do Windows 10.Erros no Chrome têm afetado usuários do Windows 10.Fonte:  WindowsLatest 

Veja como resolver o bug do Chrome 90

Para evitar o travamento do seu Chrome, siga estes passos:

  1. Repare a instalação, reinstalando o Chrome novamente;
  2. Entre no Chrome e ative a sincronização histórico, favoritos, senhas, etc.;
  3. Feche o navegador;
  4. Abra o Explorador de Arquivos;
  5. Vá até a caixa "Executar" (Win + R) e digite  "%LOCALAPPDATA%\Google\Chrome\User Data";
  6. Faça o backup, e exclua o arquivo "Local State".

Se o navegador continuar travando, há uma solução secundária:

  1. Abra o Explorador de Arquivos;
  2. Execute %LOCALAPPDATA%\Google\Chrome\User Data;
  3. Faça backup de tudo e armazene uma cópia em outra unidade;
  4. Renomeie a pasta "User Data" com outro nome qualquer;
  5. Reinicie o Chrome.

Se nada disso funcionar, há ainda uma terceira alternativa:

  1. Vá ao Painel de Controle e desinstale o Google Chrome;
  2. Exclua a pasta do Google em "C:\Users\USUÁRIO\Appdata\local";
  3. Exclua também a pasta do Google em "C:\Program Files (x86)";
  4. Abra o Editor do Registro e exclua os itens do registro no Google;
  5. Procure as chaves de registro nestes dois locais: "Computer\HKEY_CURRENT_USER\SOFTWARE\Google" e "Computer\HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Google";
  6. Reinstale o Chrome.

De qualquer forma, é aguardada uma atualização oficial em breve. Enquanto isso não acontece, você pode mudar temporariamente para outro navegador ou usar compilações beta do Chrome onde o bug já tenha sido corrigido.