Samsung vai 'matar' apps em segundo plano agressivamente na One UI 3.0

1 min de leitura
Imagem de: Samsung vai 'matar' apps em segundo plano agressivamente na One UI 3.0
Imagem: Samsung
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Nos últimos meses, a Samsung liberou a nova versão de seu sistema operacional One UI 3.0 para diversos celulares, entre modelos de entrada, intermediários e topos de linha. A atualização, baseada no Android 11, trouxe diversos recursos, mas acabou pecando em outros aspectos, como a mudança no modo de operação dos aplicativos em segundo plano — prevenindo, inclusive, que o usuário receba notificações e dados importantes.

Essa medida agora é mais agressiva e fecha aplicativos em segundo plano após 3 minutos sem utilização com a tela apagada. A mudança pode afetar diretamente serviços importantes, como o monitoramento de saúde com sensores de batimento cardíaco, que dependem da atualização em segundo plano para fornecer a coleta e análise de dados.

É importante ressaltar que esse recurso é parte do Android 11 padrão, mas, no caso da One UI 3.0, não oferece opções de customização com fácil acesso nem opção para desligá-lo. A mudança da política de gerenciamento de aplicativos em segundo plano se dá pela maior otimização da bateria dos celulares, sacrificando a quantidade de informação processada em segundo plano por uma maior autonomia de uso.

É possível impedir que os aplicativos sejam suspensos e passem pela otimização de bateria, mas não é possível desligar o recurso de fechamento automático. (Imagem: Adriano Camacho)É possível impedir que os aplicativos sejam suspensos e passem pela otimização de bateria, mas não é possível desligar o recurso de fechamento automático. (Imagem: Adriano Camacho)Fonte:  Samsung, Autor 

Por outro lado, é possível impedir que até 3 aplicativos da escolha do usuário fiquem abertos permanentemente em segundo plano por meio na opção "Manter sempre aberto", na tela de aplicativos recentes. Contudo, essa função ainda é pouco conhecida, manual e limitada, tomando parte da autonomia de uso dos usuários mais exigentes.

Similarmente, também é possível impedir ou forçar a suspensão de determinados aplicativos por meio da seção "Assistência do aparelho e bateria", encontrada nas configurações do aparelho, como demonstrado na imagem acima. A função permite até dois estágios de suspensão, bem como uma lista de exclusão para aplicativos que nunca devem ser suspensos.

Neste sentido, espera-se que Samsung torne sua política de gerenciamento de aplicativos em segundo plano mais passiva nas próximas atualizações da One UI 3.0, visto que a atual prejudica a experiência de uso de alguns usuários.

Imagem: Smartphone Samsung Galaxy S20 FE, 128GB
Imagem: Tecmundo Recomenda

Smartphone Samsung Galaxy S20 FE, 128GB

O Galaxy S20 feito especialmente para os fãs em diversas cores. Vem com 6,5 polegadas de tela em alta resolução, câmera tripla com estabilizador óptica, 6GB de RAM e muita bateria.