BlackBerry investe US$ 350 milhões e entra no ramo dos carros autônomos

1 min de leitura
Imagem de: BlackBerry investe US$ 350 milhões e entra no ramo dos carros autônomos
Fonte: mobilesyrup
Avatar do autor

A BlackBerry já investe no setor automobilístico desde 2010, quando comprou a QNX, mas agora a companhia tem planos para se tornar uma líder em software para carros, especialmente para aqueles autônomos e semiautônomos. De acordo com o SlashGear, a companhia vai investir US$ 310 milhões na sua divisão BlackBerry QNX, e o governo canadense vai ajudar com mais US$ 40 milhões vindos do seu fundo para inovação estratégica. São US$ 350 milhões no total.

Segundo a empresa, a ideia é desenvolver uma plataforma de software completa para carros que incluiria sistema de automação da direção, comunicação direta entre carros e infotainment.

A companhia também vai desenvolver pesquisas em segurança para direção autônoma e quer concorrer com empresas comoGoogle/Waymo, Cruise, Apple, Uber e outras no segmento de software para carros. No ano passado, a divisão QNX da BlackBerry inclusive anunciou estar trabalhando com a chinesa Baidu nesse aspecto.

No total, a empresa quer adicionar mais 800 funcionários à sua equipe QNX nos próximos 10 anos e manter os atuais 300 especialistas que já trabalham por lá.

Apesar de parecer que a empresa tem apenas ideias que ainda não saíram do papel, a companhia já tem conceitos bem elaborados para executar nos próximos anos. Considerando que a direção completamente autônoma, ou Nível 5, ainda deve levar alguns anos para chegar às massas, não dá para dizer que a BlackBerry QNX está atrasada ou algo assim.

Fora isso, a divisão já tem um grande leque de clientes. Segundo a companhia, mais de 40 montadoras usam atualmente o software da empresa de alguma maneira em seus sistemas a bordo de carros. Isso inclui Audi, BMW, Mercedes-Benz, Toyota e outras.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
BlackBerry investe US$ 350 milhões e entra no ramo dos carros autônomos