realidade virtual permite a exploração de mídias de maneira diferente e mais imersiva, de modo que não seria possível fazer em uma tela comum de computador ou celular. Nela, você pode apreciar – e também criar, por que não? – objetos a partir de pontos de vista diferentes como se estivesse realmente em torno de um item tridimensional.

Diversas instituições de arte já têm planos para levar suas obras para o Vive Arts

Para aproveitar todo esse potencial, a HTC, fabricante dos óculos de realidade virtual Vive, está lançando o programa Vive Arts, que vai ajudar museus e outras instituições a exibirem suas obras usando realidade virtual, tornando a arte mais acessível para as pessoas. O primeiro projeto a ser exibido pelo Vive Arts é organizado pelo museu Tate Modern de Londres e vai trazer obras do artista italiano Amedeo Modigliani.

Diversas instituições de arte já têm planos para levar suas obras para o Vive Arts. Isso pode não ser um definidor na hora de decidir se vale a pena comprar um dispositivo de realidade virtual, mas certamente vai enriquecer o conteúdo para os óculos e deixar mais satisfeitos os que já são clientes da HTC.

Cupons de desconto TecMundo: