Elon Musk destrói seus celulares periodicamente; entenda por quê

1 min de leitura
Imagem de: Elon Musk destrói seus celulares periodicamente; entenda por quê
Avatar do autor

Que as fabricantes de celulares nos induzem a atualizar nossos smartphones anualmente todo mundo sabe. Não são todos que reproduzem a prática, mas quando se tem dinheiro, por que não fazer? Elon Musk, então, consegue ser mais irreverente nas suas mudanças de smartphone, destruindo o aparelho antigo a cada troca.

As informações, contidas num comunicado legal assinado por um funcionário da SpaceX, são que o CEO se desfaz completamente de smartphones anteriores. Essa medida, na perspectiva do figurão, é para preservar a sua segurança, evitando que resquícios de dados de smartphones já usados sejam encontrados e vazados.

(Fonte: VisualHunt)

Essa precaução é justificada principalmente se lembrarmos de situações péssimas vividas por outros homens igualmente poderosos, como o hacker que invadiu o smartphone de Jeff Bezos. Neste caso, o especialista e consultor em cibersegurança Gavin de Becker afirmou que o CEO da Amazon foi coagido a ter fotos íntimas publicadas na internet — coisa que, com uma personalidade tão atrelada a sua marca, afetariam diretamente os negócios.

Musk, então, para se prevenir de tais situações, troca de smartphone periodicamente e garante que o anterior tenha informações apagadas, seja guardado e logo destruído. Assim, o CEO reduz drasticamente a chance de ter dados pessoais nas mãos erradas. É uma alternativa inteligente, principalmente quando lembramos de escândalos que o envolvem, com potencial para se tornarem ainda piores e afetar a integridade do CEO.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Elon Musk destrói seus celulares periodicamente; entenda por quê