Hacker aqui? Conta da criadora do Ubuntu no GitHub foi hackeada

1 min de leitura
Imagem de: Hacker aqui? Conta da criadora do Ubuntu no GitHub foi hackeada
Avatar do autor

A Canonical foi mais uma vez vítima de um ataque de hackers, no último fim de semana. A empresa teve sua conta da plataforma GitHub invadida no sábado (6), e os invasores criaram dez novos repositórios, todos renomeados com CAN_GOT_HAXXD, comprometendo as credenciais da conta da organização responsável pelo Ubuntu, uma das mais populares distribuições de Linux.

A companhia usou o Twitter para confirmar a situação, no domingo (7), avisando que removeu a conta comprometida da plataforma e que está investigando a extensão da violação.

"Não há nenhuma indicação, no momento, de que qualquer código-fonte ou PII tenha sido afetado. Além disso, a infraestrutura do Launchpad, onde a distribuição do Ubuntu é construída e mantida, é desconectada do GitHub, e também não há indicação de que ela tenha sido afetada", diz o comunicado.

Leia aqui a thread na íntegra.

A Canonical informou ainda que planeja publicar uma atualização quando concluir a investigação, a auditoria e as demais providências relacionadas à invasão.

Não é a primeira vez

Não é a primeira vez que uma distribuição de Linux tem problemas desse tipo. Um dos casos mais graves e conhecidos foi em 2016, quando hackers invadiram o domínio do Linux Mint e criaram uma versão modificada da distro com uma backdoor, distribuindo-a como se fosse oficial.

(Fonte: GitHub/Reprodução)

Além disso, no ano passado a conta do Gentoo Linux — também no GitHub — foi hackeada, comprometendo o Chrome OS, cujo código foi substituído por um malware.

Desta vez, no entanto, a Canonical acredita que nenhum dado de usuário tenha sido vazado e que a segurança, de maneira geral, não tenha sido tão comprometida.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Hacker aqui? Conta da criadora do Ubuntu no GitHub foi hackeada