Imagem de: China instala secretamente spyware em celulares de turistas, diz jornal
Fonte: Luo Yang/Xinhua/Barcroft Media

China instala secretamente spyware em celulares de turistas, diz jornal

1 min de leitura
Avatar do autor

A China, por meio de agentes de fronteira, estaria instalando spyware em celulares de turistas que buscam uma entrada no país, afirma o The Guardian. No caso, seriam agentes na fronteira de Xinjiang, um local conhecido por já contar com um sistema de reconhecimento facial massivo sobre a população, principalmente minorias étnicas.

A China estaria buscando conteúdos extremistas, como publicações do Estado Islâmico

Relatos locais indicam que os agentes pedem celulares e suas respectivas senhas de desbloqueio para turistas. Com esse acesso, as autoridades chinesas acabariam instalando um software que acompanha mensagens trocadas em aplicativos, ligações, apps instalados, agenda e contatos. Caso o estrangeiro tenha um iPhone, os chineses ainda estariam usando uma máquina que escaneia o conteúdo.

O The Guardian diz que a China estaria buscando conteúdos extremistas, como publicações do Estado Islâmico. Por outro lado, o aplicativo spyware ainda realiza buscas por arquivos que envolvem passagens do Alcorão e até músicas de heavy-metal japonês.

Após a coleta de dados nos aparelhos, o spyware acabaria sendo desinstalado automaticamente. A descoberta aconteceu porque, segundo o jornal, alguns aplicativos do tipo acabaram ficando nos aparelhos mesmo após essa coleta.

A China não respondeu pedidos para comentários.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
China instala secretamente spyware em celulares de turistas, diz jornal