A Polícia Federal prendeu um homem em flagrante na manhã desta quarta-feira (5) em Maringá, no Paraná, por armazenar e compartilhar pornografia infantil na internet. Segundo a PF, o homem de 30 anos responderá inicialmente pelo crime de armazenamento e possivelmente pelo compartilhamento dos materiais em questão, com penas que chegam até 10 anos de reclusão.

Entidades de cooperação internacionais ajudaram a Polícia Federal a encontrar o suspeito por meio de informações compartilhadas. Esses dados indicavam sobre atividades de pedofilia tanta na internet quanto na deep web, camada não indexada.

Bastou para a PF investigar os endereços de compartilhamento para encontrar o local de moradia e de trabalho do homem preso em flagrante. “Durante as buscas, foram constatados no notebook do suspeito arquivos digitais que continham cenas de sexo explícito ou pornografia envolvendo criança ou adolescente”, afirma a PF.

Cupons de desconto TecMundo: