PF desarticula quadrilha brasileira que usava cartões clonados nos EUA

1 min de leitura
Imagem de: PF desarticula quadrilha brasileira que usava cartões clonados nos EUA
Avatar do autor

A Operação Las Vegas foi deflagrada pela Polícia Federal (PF) na manhã desta segunda-feira (20) que desarticulou uma quadrilha de clonagem de cartões de crédito. Segundo a PF, os carders utilizavam os cartões clonados de maneira sofisticada: o golpe tinha início no Brasil, mas as compras fraudulentas eram realizadas nos Estados Unidos, especificamente em Las Vegas e Atlantic City.

De acordo com a PF, foram cumpridos 12 mandados de prisão preventiva, 9 mandados de busca e apreensão e 14 mandados de bloqueio de contas e indisponibilidade de bens dos envolvidos — cumpridos em Fortaleza/CE, Caucaia/CE, Beberibe/CE e em São Paulo/SP. A Caixa Econômica Federal, sobre a ação criminosa, reportou um prejuízo de mais de 18 milhões de dólares de fraudes com cartões cometidas nos EUA, entre 2014 e 2018.

Outras formas de fraudes cometidas no Brasil foram identificadas, como compras de aparelhos eletrônicos de alto valor

O trabalho da Polícia Federal teve início após alerta do Escritório de Segurança Diplomática do Consulado Geral dos EUA no Recife/PE. A quadrilha, que residia no Ceará, realizava viagens para Las Vegas e Atlantic City após clonarem os cartões. Então, esses cartões eram utilizados para saque em máquinas GCA (Global Cash Acces) — em seguida descontavam esses cheques nas janelas dos caixas dos cassinos.

“Ao longo da investigação foram identificadas outras formas de fraudes cometidas no Brasil, como compras de aparelhos eletrônicos de alto valor e compras de viagens, reservas de hotéis, passagens aéreas, com os cartões clonados e ocultação/dissimulação do lucro ilicitamente obtido por meio de transferências para contas correntes de parentes e aporte de capital em empresas”, afirma a PF. Os investigados irão responder pelos crimes de furto qualificado pela fraude, associação criminosa e lavagem de dinheiro, de acordo com o nível de participação.

Na internet, quadrilhas e indivíduos que clonam cartões são conhecidos como carders. Há um verdadeiro trabalho que envolve até o desvio da segunda via de cartões. Você pode acompanhar tudo isso em detalhes na reportagem “Cartões de crédito são desviados nos Correios; contas de ecommerce são vendidas aos milhares no WhatsApp e Facebook”.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
PF desarticula quadrilha brasileira que usava cartões clonados nos EUA