Quatro anos depois do vazamento de fotos íntimas de diversas celebridades, entre elas a atriz Jennifer Lawrence, o último dos culpados pelo crime foi finalmente condenado pela justiça norte-americana a oito meses em reclusão total e mais três anos em liberdade condicional após ter se declarado culpado pela invasão das contas de iCloud e o vazamento de material pessoal das vítimas.

A defesa do criminoso pediu 5 meses de reclusão total e mais 5 meses de prisão domiciliar por afirmar que Garofane é, hoje, uma pessoa mais madura

George Garofano foi o quarto e último dos culpados a ser condenado pela justiça pelo caso. Foi também o que pegou menos tempo de cadeia – os outros vão encarar de 9 a 18 meses de prisão, o que as vítimas consideram muito pouco pelo que fizeram. Garofano roubou logins de contas e roubou informações pessoas – incluindo fotos íntimas – que se espalharam pela internet.

A defesa do criminoso pediu 5 meses de reclusão total e mais 5 meses de prisão domiciliar por afirmar que apesar de Garofane ter consciência de seus atos, ele é hoje uma pessoa mais madura que não voltaria a repetir o fato no futuro, mas o juiz seguiu mais a acusação, que pedia de 10 a 16 meses atrás das grades. No fim das contas, 8 meses vai sair barato pelo que fizeram.

Cupons de desconto TecMundo: