A Jigsaw, uma empresa da holding Alphabet— que também é dona da Google — lançou um software de VPN gratuito chamado "Outline", o qual permite a pessoas, grupos, organizações ou empresas criarem e gerenciarem seus próprios servidores de Virtual Private Networks. Em outras palavras, a ferramenta permite criar sua própria VPN, além fazer a gestão e o controle desse serviço sem o intermédio de terceiros.

Já existem tecnologias que permitem empresas criarem suas próprias VPN a fim de criptografar todo o tráfego de seus usuários pela internet, mas essas plataformas são normalmente muito complicadas para o usuário comum, requerendo que algum especialista em TI faça a configuração. O Outline, por sua vez, facilita muito o processo e pode ser configurado por pessoas com pouco conhecimento técnico sobre o assunto.

Outline permite que as VPNs sejam criadas em servidores físicos ou mesmo em uma plataforma de computação em nuvem confiável

Outra grande vantagem é que o Outline permite que as VPNs sejam criadas em servidores físicos controlados pelo usuário/empresa ou mesmo em uma plataforma de computação em nuvem confiável, como Rackspace, Google Cloud Engine, Amazon EC2, entre outras. Existe ainda a possibilidade de criar uma VPN nos servidores da Digital Ocean, uma plataforma de computação em nuvem 100% integrada ao Outline. Nesse caso, o usuário pode contratar o serviço para 500 GB de tráfego por US$ 5 ao mês. Em outros servidores em nuvem, é preciso primeiro comprar o serviço para aplicações gerais e, depois, instalar o Outline.

OutlineIntegração do Outline com a Digital Ocean requer a contratação de um serviço de computação em nuvem diretamente na plataforma, mas o software da VPN em si é gratuito.

Mas o ideal mesmo é usar essa ferramenta da Jigsaw em um servidor próprio. Só assim você tem 100% de certeza de que ninguém está espionando sua conexão com a internet. Isso porque, ao passo que uma VPN oferecida por terceiros impede que o seu provedor de internet ou o governo local espionem a sua conexão, esse fornecedor do serviço teoricamente tem poder de fazer a espionagem caso queira. É por isso que VPNs gratuitas podem não ser uma boa ideia: ao passo que lhe oferece o serviço de graça, a empresa por trás disso precisa lucrar de alguma forma, e a mais provável é com a venda de dados dos usuários.

Seja como for, o Outline foi criado para impedir justamente isso. Colocando o controle de uma VPN nas mãos das organizações ou dos usuários que necessitam disso, a ferramenta impede que terceiros interceptem informações sensíveis.

Para jornalistas e ativistas

De acordo com o site da Jigsaw, o Outline foi desenvolvido especialmente para empresas jornalísticas e para ativistas que precisam oferecer uma comunicação segura pela web para seus profissionais. Ainda assim, o software pode ser utilizado por qualquer pessoa ou organização que tenha acesso a um servidor propriamente configurado e conectado à web, seja ele físico ou na nuvem.

O software consegue inclusive driblar o grande firewall da China com um recurso que conecta os usuários ao servidor de VPN de forma aleatória

A Jigsaw é uma startup focada na preservação dos direitos humanos, e o Outline é uma forma de garantir que jornalistas façam seu trabalho sem sofrer com censura de governos autoritários. O software consegue inclusive driblar o grande firewall da China com um recurso que conecta os usuários ao servidor de VPN de forma aleatória, impedindo que o servidor seja encontrado e bloqueado facilmente.

A ferramenta é totalmente gratuita e já é compatível com o Windows (7 ou mais recente), Android (5.0 ou mais recente) e Chrome OS (64.0 ou mais recente). Versões para macOS e iOS devem ser liberadas nas próximas semanas.

O código do Outline está disponível para verificação no GitHub e, caso você queira usar a ferramenta gratuitamente, basta acessar este site e conferir como fazer isso.

Cupons de desconto TecMundo: