Novos aspiradores da Samsung foram acusados de quebra de patente. (Fonte da imagem: Divulgação/Samsung)

A Samsung já está bastante acostumada com processos e brigas por causa de patentes e disputas de propriedade intelectual no mundo da tecnologia. Por isso, não é muita surpresa que a fabricante britânica Dyson recentemente tenha entrado com uma ação judicial contra a companhia. A diferença é  que o produto agora não é um tablet ou smartphone, mas um aspirador de pó.

Durante a IFA 2013, a Samsung apresentou um modelo com a tecnologia Motion Sync, que traz mobilidade ao aparelho cilíndrico com o uso de um sistema de rolamento. A Dyson afirma que esse sistema de movimento já é propriedade intelectual da companhia desde 2009. O CEO da fabricante disse que o produto coreano é “uma cópia cínica” do original.

O sistema de movimento é a tal patente da Dyson. (Fonte da imagem: Divulgação/Samsung)

“A Samsung tem muitos advogados para patentes, então acho difícil não acreditar que isso é uma violação proposital ou descarada de nossa ideia”, afirma o executivo, que levou o processo a uma corte inglesa e promete lutar contra a gigante.

Cupons de desconto TecMundo: