Se você está ligado na parte de hardware dos smartphones mais recentes, já deve ter reparado que os processadores Exynos, fabricados pela Samsung, só são utilizados em dispositivos da própria marca, enquanto a linha Snapdragon, da Qualcomm, é bastante popular em celulares com Android, sendo encontrados em praticamente todas as marcas mais famosas.

A primeira coisa que vem à cabeça é que Samsung possa estar evitando fornecer seu chipset para outras empresas para proteger sua tecnologia e não “entregar o ouro nas mãos do bandido”. Faz sentido, mas aparentemente esse não seria o motivo, e sim um acordo ilegal com a Qualcomm, que também fornece processadores para os dispositivos da companhia sul-coreana.

Chipset da Qualcomm em um Samsung Galaxy S7

Práticas ilegais de mercado

Segundo a publicação The Korea Economic Daily, a Qualcomm se aproveitaria de um contrato firmado com a Samsung para impedir que a empresa sul-coreana forneça seu chipset Exynos para outras companhias há mais de 25 anos.

A Samsung Electronics foi impedida de vender seus chipsets para outros fabricantes de smartphone devido a um acordo de licença assinado com a Qualcomm

A prática – considerada ilegal – teria sido descoberta por uma comissão que investiga as práticas de comércio da Qualcomm, o que já rendeu multas no valor de US$ 873 milhões para a companhia norte-americana, algo em torno de R$ 2,7 bilhões, por uso indevido de posição de mercado na Coreia do Sul.

Segundo a resolução da investigação, “a Samsung Electronics foi impedida de vender seus chipsets para outros fabricantes de smartphone devido a um acordo de licença assinado com a Qualcomm”. A empresa norte-americana recorreu e pediu a suspensão da decisão no tribunal.

A Qualcomm nunca impediu que a Samsung vendesse seus processadores para outras fabricantes

Em contato com a acessoria da Qualcomm, a empresa afirmou que o rumor veiculado pelo The Korea Economic Daily é falso e disse: "A Qualcomm nunca impediu que a Samsung vendesse seus processadores para outras fabricantes e esse tipo de acordo nunca esteve presente em nenhum de nossos contratos. Qualquer afirmação contrária a isso é falsa".

Cupons de desconto TecMundo: