Você é o tipo de pessoa que utiliza as redes sociais para falar mal da Dilma Rousseff e outros políticos brasileiros? Pois saiba que, nos Emirados Árabes Unidos, debochar de líderes políticos na internet é uma contravenção que pode ser punida com até dez anos de prisão.

Ao menos foi isso que ocorreu com Ahmad Abdullah Al Wahdi, um árabe-emiradense que estava usando seu perfil no Twitter para fazer graça com a cara de diversos oficiais do governo local. Além de decidir prendê-lo por nada menos do que uma década, a Suprema Corte Federal de Abu Dhabi resolveu apagar a conta do contraventor na rede social e confiscar documentos relacionados aos ataques virtuais.

Vale observar que essa não é a primeira vez que um internauta vai preso após postar mensagens políticas ofensivas na internet. Em fevereiro deste ano, o jordaniano Zaki Bani Rushaid, líder da organização islâmica Irmandada Muçulmana, foi sentenciado a passar 18 meses em detenção após ofender os Emirados Árabes em uma longa postagem em seu perfil no Facebook.

Cupons de desconto TecMundo: