(Fonte da imagem: Thinkstock)

Pode assumir: não faltam pessoas que você considere chatas ou irritantes em redes sociais como o Twitter e o Facebook. Mas o que você acha mais insuportável no que é compartilhado por esse tipo de gente na internet?

A loja de equipamentos para exercícios físicos Sweatband resolveu fazer essa pergunta para conhecer quem são os chatos das redes sociais – e que atitudes são mais odiadas por quem é amigo ou seguidor dessas pessoas. Os entrevistados puderam votar em quantas categorias eles quisessem.

De acordo com a pesquisa, com mais da metade dos votos totais, o perfil mais irritante é o do viciado em esportes, dietas e cuidados com o corpo, seguido de perto por fãs de fotografar pratos de comida do Instagram e quem adora um pouco de atenção. Você conhece gente desse tipo – ou pior, se identifica com algum deles?

O perfil dos chatos

1. Cultura de academia (53%)

Avisar que está partindo para a vigésima ida à academia na semana ou que perdeu certo número de calorias com algum exercício ou regime não faz sucesso nas redes sociais.

2. Café da manhã, almoço e jantar (45%)

Essa já é clássica: compartilhar cada foto de pratos de comida, especialmente no Instagram, também foi considerado irritante – sendo que, muitas vezes, o prato nem é bonito ou bem elaborado para merecer uma postagem.

(Fonte da imagem: Reprodução/Instagram)

3. Postagens em estado crítico (42%)

Se você não quer falar sobre um assunto ou deseja privacidade, não provoque seus contatos. Postar um “Estou triste!” ou “Algo horrível acabou de acontecer comigo” sem explicar o motivo só leva a várias postagens no estilo “Nossa, mas o que aconteceu?”. Ah, e a resposta é quase sempre um “Eu não quero falar sobre isso”.

4. Pessoal dos joguinhos (37%)

As pessoas que convidam absolutamente todos os contatos para jogar Farmville e derivados – inúmeras vezes.

5. Orgulho da mamãe (36%)

Pais tendem a não ter a menor vergonha de postar elogios, broncas ou narrações de cada passo que seus herdeiros dão na vida real. Isso pode incomodar – e gerar muitas piadinhas, caso você seja o filho em questão.

 

6. Abertas demais (32%)

Se há quem reclame de privacidade na internet, algumas pessoas fazem o esquema contrário: compartilham detalhes demais das próprias vidas nas redes sociais.

7. Onde você está? (26%)

Fazer check-in no Foursquare é divertido – e é para isso que a rede social serve. Mas atualizar que você foi à padaria ou deu uma volta na esquina não merece um compartilhamento, merece?

(Fonte da imagem: Thinkstock)

8. Gente que exige demais (25%)

Normalmente, você só convida para eventos no Facebook quem você realmente quer que compareça – não todos os seus amigos, quem está em outro país ou quem você sabe que não curte o compromisso em questão.

9. Sem deixar passar nada (22%)

Quem curte, comenta, compartilha, responde ou dá RT em todas as postagens de todos os contatos e amigos dessas pessoas nas redes sociais, mesmo que não tenha nada interessante para escrever.

10. Nada modestos (19%)

Tudo bem: não é ilegal promover na internet a pequena empresa ou uma loja que está começando. Mas fazer propaganda descarada para todos os amigos a qualquer momento e tratá-los sempre como clientes em potencial é bastante desagradável.

Cupons de desconto TecMundo: