Twitter Super Follows é anunciado com assinaturas de até US$ 9,99

1 min de leitura
Imagem de: Twitter Super Follows é anunciado com assinaturas de até US$ 9,99
Imagem: Twitter/Reprodução
Avatar do autor

O Twitter anunciou, nesta quarta-feira (1°), o lançamento do Super Follows, um serviço de assinatura para criadores de conteúdo da rede social. As inscrições do programa terão valores de US$ 2,99 (cerca de R$ 15 na cotação atual), US$ 4,99 (R$ 26) e US$ 9,99 (R$ 51).

De acordo com a plataforma, o novo sistema fará que os usuários elegíveis possam disponibilizar conteúdos exclusivos para seus seguidores. O Super Follows é destinado para pessoas que trazem perspectivas e particularidades únicas ao Twitter, contribuindo para provocar conversas públicas de interesse da comunidade — isso vale para ativistas, jornalistas, músicos, curadores de conteúdo, escritores, gamers, fãs de astrologia, especialistas em moda e beleza, além de muito mais.

O material exclusivo poderá ser compartilhado com os assinantes em formato de tweets, espaços, fotos e vídeos. Além disso, os seguidores especiais terão acesso às conversas exclusivas com os donos de suas contas preferidas.

Twitter

A possibilidade de abrir seu conteúdo para assinatura já está disponível para usuários selecionados nos Estados Unidos que se inscreveram para testar a ferramenta. Já a possibilidade de pagar pela assinatura começou a ser disponibilizada aos poucos, também hoje, para quem tem dispositivos iOS. Nas próximas semanas, a garantia é que todos poderão se tornar "super-seguidores" (incluindo quem tem Android ou acessa via navegador).

Os pagamentos

De acordo com o Twitter, os produtores de conteúdo ficarão com até 97% da receita de suas assinaturas até que um teto de US$ 50 mil (cerca de R$ 258 mil) seja alcançado. Depois desse valor, eles receberão até 80% de toda a receita das assinaturas.

Além disso, os donos das contas inscritas no Super Follows receberão pagamentos mínimos de US$ 50 (cerca de R$ 258). Se esse saldo não for atingido em 1 mês, ele será acumulado para o seguinte.

"Novas possibilidades já estão previstas para o futuro, como espaços exclusivos para Super Followers, newsletters informativas e diferentes níveis de assinatura", ressaltou a rede social, que acrescentou que os tweets públicos continuarão sendo vistos sem a necessidade de uma assinatura.

Twitter