Instagram agora pede documento para confirmar identidade de usuários

1 min de leitura
Imagem de: Instagram agora pede documento para confirmar identidade de usuários
Avatar do autor

A partir desta quinta-feira (13), o Instagram começará a pedir a confirmação de informações cadastrais e de identidade de donos de contas com atividade suspeita. As novas medidas de autenticidade da rede social visam reduzir as atividades fraudulentas na plataforma.

Ao detectar sinais do que a empresa chama de "comportamento não autêntico", será solicitado que o usuário carregue um documento de identificação contendo nome completo e foto, ou nome completo e data de nascimento. No entanto, o Instagram afirma que a maioria das pessoas não será afetada.

Alguns comportamentos da conta que podem levantar suspeitas incluem a maioria dos seguidores de uma pessoa estar em um país diferente da localização dela ou quando existem sinais de automação, como contas de bot. A ideia é entender melhor quando contas podem estar tentando enganar seus seguidores.

"Os números de identificação serão armazenados de forma segura e excluídos em até 30 dias após a conclusão da nossa análise. Eles não serão compartilhados no perfil da pessoa, pois a identificação por meio de pseudônimos ainda é uma parte importante do Instagram", explicou a rede social.

Se o dono de uma conta se negar a confirmar sua identidade, seu conteúdo terá distribuição reduzida e a conta pode até mesmo ser desativada.

Instagram agora pede documento para confirmar identidade de usuários