Twitter pode nunca receber botão de editar; CEO explica motivo

1 min de leitura
Imagem de: Twitter pode nunca receber botão de editar; CEO explica motivo
Avatar do autor

Quem já fez publicações no Twitter e acabou deixando passar algum errinho de digitação com certeza pensou que a rede social deveria ganhar um botão de editar postagens. O atual comandante da empresa, Jack Dorsey, disse que a equipe por trás do microblog discute sobre a solução, mas talvez nunca adote a ferramenta.

Durante uma entrevista para a revista Wired, em que respondeu questionamentos de usuários do Twitter, o CEO da rede social comentou sobre o aguardado botão de editar. De acordo com Dorsey, a mudança pode nunca acontecer para manter a essência do microblog, que nasceu na era do SMS, quando não era possível alterar mensagens após o envio. "Queremos preservar esse estilo", disse o executivo.

Além da nostalgia, também existem outros fatores para serem considerados. Segundo explica Dorsey no vídeo, o Twitter é uma rede social com postagens rápidas e clima de instantaneidade. Com isso em mente, o botão editar poderia ser usado para causar desinformação, visto que existe a possibilidade do conteúdo de uma publicação ser modificado após ser compartilhada por outros usuários.

Uma das soluções cogitadas pela equipe é adotar uma "janela de tempo" para mudanças serem feitas. Neste caso, a publicação poderia ser modificada dentro de 30 segundo a um minuto, por exemplo. Ainda assim, a empresa possui um pé atrás com a ideia, já que a opção também viria acompanhada de alterações na cadência da postagem, que ficaria fora do ar durante o tempo para edição, e isso poderia atrapalhar o ritmo do feed.

(Fonte: Wired/Reprodução)

Por fim, o executivo garante que o botão editar não vai chegar ao Twitter em 2020 e, se as coisas continuarem como estão, talvez a ferramenta nunca seja lançada. "Isso pode funcionar, mas nós provavelmente nunca faremos", disse o cofundador da rede social.

Twitter pode nunca receber botão de editar; CEO explica motivo