Facebook lançou nesta semana no Brasil uma novidade para ajudar publicadores e criadores de conteúdo em vídeo. O recurso estreante é o Ad Breaks, que permite a construção de um negócio na rede social e a monetização de vídeos na plataforma.

Os Ad Breaks são os "intervalos comerciais" de curta duração inseridos durante vídeos no Facebook. A ferramenta é especialmente boa para quem publica vídeos originais e longos, que criam comunidades e engajam usuários.

Segundo a rede, sempre que um Ad Break é mostrado, o publisher ou criador do vídeo recebe 55% da receita do anúncio. Além disso, atualmente, mais de 70% dos anúncios que são exibidos durante os vídeos são vistos até o final no Facebook. Vale lembrar que a plataforma de vídeos Watch, que fica dentro do Facebook, chegou ao Brasil em agosto.

Eles podem apresentar três formatos: anúncios durante o vídeo; anúncios antes do início do vídeo; e anúncio em imagem logo abaixo do vídeo. Se você preferir, é possível utilizar a ferramenta de inserção automática, deixando o Facebook selecionar automaticamente o melhor lugar para os anúncios no vídeo ou os espaços em potencial.

Páginas com vídeos de 3 minutos e que, juntos, tenham gerado mais de 30.000 visualizações de 1 minuto nos últimos dois meses; páginas com mais de 10.000 seguidores no Facebook; e que estejam de acordo com os Padrões de Qualificação para Monetização são elegíveis para receber os recursos.

Para mais informações, é só checar a página da plataforma sobre os Ad Breaks.

Cupons de desconto TecMundo: