O Facebook comprou o Instagram em 2012 por US$ 1 bilhão, um valor que muita gente leiga e também do mercado de tecnologia considerou muito alto para um app que, na época, era conhecido simplesmente pelos seus filtros para fotos. A ferramenta havia acabado de chegar ao Android quando a rede social de Mark Zuckerberg fez a compra. Hoje, a plataforma social para compartilhamento de imagens vale nada menos de US$ 100 bilhões, de acordo com uma estimativa da Bloomberg Intelligence, exatamente 100 vezes mais do que quando foi comprada.

Isso quer dizer que o Facebook, na verdade, fez o investimento do século comprando a plataforma, tendo conseguido multiplicar o valor do seu um bilhão de dólares em cem vezes em menos de seis anos.

Durante seu evento de lançamento do IGTV, o Instagram revelou que já possui 1 bilhão de usuários ativos por mês na plataforma. Estimativas apontam que o app deve alcançar o segundo bilhão em até cinco anos caso o ritmo de crescimento seja mantido.

Espera-se que, até o fim do ano, o Instagram seja responsável por 16% de roda a receita do FacebookI

sso é interessante porque o Instagram já cresce mais rápido em nível global do que o Facebook, especialmente considerando que a rede social de Zuckerberg já não cresce mais nos EUA. Fora isso, a audiência do app de fotos é mais jovem e, consequentemente, mais atraente para anunciantes. Por isso, espera-se que, até o fim do ano, o Instagram seja responsável por 16% de roda a receita do Facebook, contra 10,6% no último ano.

O Instagram tem crescido a passos largos por conta das novidades que a plataforma recebe constantemente. Inicialmente, o app copiou o conceito de Stories do Snapchat e conseguiu fazer uma implementação consideravelmente melhor que a do seu concorrente em questão de qualidade de imagem. Além de outras melhorias, a plataforma também agora deseja concorrer com grandes serviços de streaming de conteúdo, como o YouTube, através do IGTV.

instagram

Mas o que você acha dessa história toda? Será que o Instagram será a próxima grande rede social do mundo, desbancando o Facebook? Deixe sua opinião na seção de comentários.

Cupons de desconto TecMundo: