O Facebook anunciou, nesta quarta-feira (18), que está trazendo ao Brasil o Facebook Gaming Creator Pilot Program, iniciativa focada em ajudar gamers a criar e engajar suas comunidades na plataforma. O Brasil é o segundo país do mundo a receber o programa piloto do Facebook para gamers, lançado nos Estados Unidos no começo deste ano.

O piloto começa no país com um grupo inicial de gamers que vão jogar e transmitir ao vivo uma variedade de jogos diretamente pelo Facebook Live, como Fortnite, Clash Royale, GTA e League of Legends. Entre os apresentadores estão Afreim, Bruno PlayHard, Davy Jones (GameplayRJ), Diana Zambrozuski, Edukof, Gab Zuski, Gelli Clash, Gordox, Isis Vasconcellos, Lipao Gamer, Nicole Diretora e PortugaPC.

O programa é construído com três pilares em mente:

  • Construir comunidades para criadores: ajudar os gamers a criar comunidades mais significativas e engajadas no Facebook;
  • Crescer audiência e aumentar a descoberta: ajudar os gamers a ampliarsua base de fãs e aumentar a descoberta e distribuição em múltiplas plataformas, incluindo Facebook e Instagram;
  • Trazer novas ferramentas com base no feedback dos jogadores: trabalhar com os gamers para testar e lançar novos recursos, seja para monetização ou livestreaming. Os criadores de conteúdo ajudarão a construir a experiência de assistir e transmitir ao vivo jogos no Facebook.

ae

“Estamos trabalhando para construir um ecossistema de gaming de sucesso no Facebook. O Brasil tem uma forte comunidade de gamers e o programa os ajudará a construir e fortalecer seus públicos de maneira interativa. Cerca de dois bilhões de pessoas - quase todos no Facebook – já assistiram a um vídeo pelo Live e vemos seis vezes mais interações em transmissões ao vivo do que em vídeos tradicionais", explica o gerente estratégico de parceiras de gaming no Facebook, Pedro Rodrigues.

O Facebook está comprometido em desenvolver a infraestrutura tecnológica que os criadores de conteúdo de jogos precisam para ter sucesso, começando a partir de elementos essenciais, como habilitar os participantes do programa a transmitir em 1080p/60fps. E a plataforma quer desenvolver cada um dos novos recursos em parceria com os criadores.

Muitos gamers monetizam seus vídeos diretamente com o apoio de seus fãs, e o Facebook está explorando maneiras para que eles possam apoiar seus criadores favoritos por meio de pagamentos durante a transmissão ao vivo de vídeos selecionados. Com base nos resultados desses testes iniciais, a rede social planeja expandir as iniciativas de monetização para o apoio dos fãs a mais gamers no programa e em mais regiões.

Gamers no Brasil interessados em participar do programa podem se inscrever pelo link.

Facebook lança, no Brasil, programa para gamers com foco em engajamento via Voxel

Cupons de desconto TecMundo: