Acredite ou não: o Pinterest já é a terceira rede social mais popular nos Estados Unidos. E é provavelmente por causa desse sucesso todo que não demorou nem um pouco para surgirem serviços “profundamente inspirados” nela, tanto no que diz respeito ao design dos sites em si quanto a estrutura em geral.

Confira abaixo quatro redes sociais que são realmente parecidas com o Pinterest e podem servir perfeitamente como alternativas para quem já está meio cansado de “pinar” sobre assuntos convencionais.

1. Gentlemint

A lista não poderia começar de forma mais bizarra: o Gentlemint é uma rede social “para homens compartilharem coisas masculinas”. Criado durante uma maratona de desenvolvimento em apenas 12 horas, o serviço apresenta um design bastante minimalista e atraente, todo em preto e branco.

Apesar da boa intenção dos criadores, até mesmo eles concordam que atualmente todo o conteúdo encontrado no Gentlemint tem alguma relação com armas, bigodes, cerveja e citações de filmes cult.

2. Pinspire

Caso você não seja uma pessoa que goste de “pinar” e por isso não esteja muito acostumado com o layout do Pinterest, abra o site em uma nova guia e calmamente compare com a imagem abaixo. Sim, não há como negar a incrível semelhança entre os dois serviços. O Pinspire parece ter somente alterado a palheta de cores do Pinterest para azul e branco e feito algumas poucas modificações no logotipo. E isso é tudo.

O mais impressionante é que a rede social (que, ao contrário do Gentlemint, não possui nenhum tema em específico) já conta com um gigantesco número de usuários e está disponível em 38 países – incluindo o Brasil. Isso faz com que, apesar de tudo, ela seja uma das melhores alternativas ao Pinterest que existe.

3. Thinng

Também sem tema definido, a rede social Thinng foi feita apenas para você “começar sua coleção de coisas”. Sim, esse é o slogan do site. O serviço é bastante recente, estando fechado apenas para pessoas convidadas (você pode pedir um convite na página inicial, inserindo um email e nome de usuário).

A pouca popularidade do Thinng obviamente faz com que a rede seja bastante vazia e carente de conteúdos interessantes. Contudo, com uma interface agradável e intuitiva, o serviço provavelmente deve ganhar uma boa parcela de usuários em um futuro próximo.

4. GetVega

Ainda em fase Beta, o GetVega é um serviço que permite a criação e compartilhamento de listas diversas. A rede social, contudo, é visivelmente mais voltada para produtos, receitas e lugares. Por exemplo, você pode criar uma lista chamada “Viagem” e ir adicionando hotéis que você tenha passado, inserindo uma nota, comentário e preço da estadia. Essa lista pode ser vista ou modificada por terceiros (caso você deseje, claro).

A rede social está disponível em inglês, francês e espanhol.

5. Stylepin

Como iniciamos a lista com uma rede social só para homens, nada mais justo do que finalizar com uma só para mulheres. Como o nome sugere, na Stylepin só é permitido compartilhar vestidos, saias, calçados, joias e qualquer outra peça do vestuário feminino. O mais interessante é que todos os pins ficam separados por marcas e tipos (acessórios, tops, cardigãs, bolsas, roupa íntima, óculos etc.), facilitando a rápida localização dos conteúdos.

Além de obviamente ser uma rede social muito atrativa para todo tipo de mulher, a Stylepin também parece ser um ótimo local para estilistas e designers de moda divulgarem os seus trabalhos.

Fonte: Vertical Response

Cupons de desconto TecMundo: