Foi anunciado nessa semana o lançamento do Facebook Moments, um app da rede social que varre suas fotos, identifica seus amigos através de reconhecimento facial e então permite que você compartilhe as imagens de forma superdescomplicada.

O único problema é que os europeus não poderão utilizá-lo. O impedimento acontece porque o Facebook resolveu não lançar o aplicativo na região devido à preocupação de alguns órgãos reguladores com relação ao uso do reconhecimento facial.

As autoridades aconselharam os desenvolvedores a inserirem uma opção de utilização da tecnologia de reconhecimento, mas o mecanismo ainda não existe. Dessa forma, o aplicativo fica indisponível para os europeus até que a possibilidade seja disponibilizada.

Europa sem rostos

Os problemas com o reconhecimento facial do Facebook já datam de 2012, quando uma auditoria feita pela Comissão Irlandesa de Proteção de Dados forçou a empresa americana a abrir mão da funcionalidade no site da rede social.

Na ocasião, o Facebook comunicou que reintroduziria o reconhecimento facial "quando encontrassem uma forma melhor de notificar e educar os usuários". Pelo visto, com o lançamento do Moments, essa forma ainda não apareceu.

O reconhecimento e a privacidade

A rede social, no entanto, não está sozinha no barco de problemas trazidos pela tecnologia: a Google também foi limitada com relação ao uso do reconhecimento facial nos Estados Unidos através do aplicativo Google Photos.

Uma organização sem fins lucrativos chamada Electronic Frontier Foundation (EFF) liberou uma declaração dizendo que "as pessoas devem poder andar pelas ruas sem medo de que companhias das quais nunca ouviram estão monitorando cada movimento seu – e as identificando pelo nome – utilizando a tecnologia de reconhecimento facial".

O grande risco trazido pela tecnologia é o seu uso para fins comerciais ou até mesmo para investigações, visto que o processo de requisição desse tipo de informação hoje é muito específico. Caso ela se estabeleça, porém, os dados poderão ser difundidos com muito mais facilidade, atentando contra a privacidade das pessoas.

Cupons de desconto TecMundo: