Em recente publicação, a Gartner – empresa norte-americana especializada em consultoria de tecnologias – apresentou o resultado de uma pesquisa informando uma diminuição de 6,2% de vendas no mercado de desktops e computadores portáteis. Os dados acompanham uma curva de declínio que já vem ocorrendo há cinco anos.

De acordo com Mikako Kitagawa, um dos principais analistas da Gartner: “As pessoas optam cada vez mais por se manter online por meio de smartphones, adiando a substituição do PC ou laptop que possuem em casa”.

PCs e Macs não vendem tanto quanto antes

Embora tenha havido crescimento nas vendas de equipamentos inovadores, como notebooks híbridos com telas removíveis, a demanda não foi suficiente para compensar a queda nas vendas de modelos tradicionais, conforme afirma a pesquisa.

O segmento de usuários de PC de alta performance para jogos se destacou. No entanto, o mercado impulsionado por entusiastas de desktops não é grande o suficiente para alavancar um real crescimento nas vendas em escala global.

Segundo a Gartner, a Lenovo liderou as remessas globais de unidades vendidas, seguidas das empresas HP e Dell. As três companhias, juntamente com a Apple, ganharam participação de mercado em 2016, enquanto a ASUS e a Acer perderam espaço.

Cupons de desconto TecMundo: