MacBook Pro traz modo compatibilidade para apps lidarem com o notch

1 min de leitura
Imagem de: MacBook Pro traz modo compatibilidade para apps lidarem com o notch
Imagem: Divulgação/Apple
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

O novo MacBook Pro foi anunciado nesta segunda-feira (18) com os processadores M1 Pro e M1 Max da Apple Silicon e uma das mudanças mais visíveis foi a introdução de um entalhe na tela que abriga uma câmera 1080p. A Apple confirmou recentemente que aplicativos para Mac terão a opção de usar o espaço "extra" nas laterais do notch através de um modo de compatibilidade.

Em um informativo destinado aos desenvolvedores, a maçã disse que o sistema ajustará a área ativa do display quando a opção for utilizada pelo aplicativo, evitando que a "franjinha" esconda recursos. Dito isso, a novidade entrará em ação apenas se o software rodando no dispositivo exige a iniciativa.

Como é possível observar no conteúdo promocional abaixo, o MacOs esconde o entalhe com uma barra preta artificial quando programas estão em tela cheia e não usam o modo.

Exemplo de interface em tela cheia no novo MacBook ProExemplo de interface em tela cheia no novo MacBook ProFonte:  Divulgação/Apple 

Quando o sistema estiver no modo "desktop", com programas em janelas ou sem nada aberto, a barra de menus e de monitoramento de recursos como bateria e Wi-Fi fica ao redor do entalhe.

Muitas novidades e muito dinheiro

Vale ressaltar que o novo MacBook Pro está disponível em telas de 14 ou 16 polegadas com bordas menores do que a versão "padrão". Os displays Liquid Retina XDR contam com a tecnologia ProMotion para adaptação de taxas de atualização com base no conteúdo exibido — máximo de 120Hz — e mini LEDs.

Enquanto os modelos menores estão disponíveis a partir de R$ 26,9 mil, os de 16 polegadas exigem, no mínimo, R$ 32,9 mil com adicionais que podem elevar o preço até R$ 78 mil.