iPhones ou Macs podem contar com chips de 3 nm em 2022

1 min de leitura
Imagem de: iPhones ou Macs podem contar com chips de 3 nm em 2022
Imagem: Reprodução/Pages.Arm
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

A prévia de um artigo que será publicado pelo jornal DigiTimes nesta quarta-feira (11) indica que, em 2022, iPhones ou Macs podem contar com chips de 3 nm, segundo o MacRumors. De acordo com o veículo, a TSMC, fornecedora da Apple, planeja iniciar a produção em massa de processadores com a arquitetura no segundo semestre do ano que vem e os destinar à empresa da Maçã.

Atualmente, a big tech já utiliza o menor componente do mercado, o de 5 nm, presente na linha iPhone 12. Espera-se, ainda, uma evolução da tecnologia para a família iPhone 13. Além disso, rumores anteriores afirmam que a companhia encomendou chips de 4 nm, também da TSMC, a serem supostamente integrados a Macs e iPhones, apesar de não estimarem datas de anúncios.

De todo modo, se confirmados os boatos, a gigante pularia a adoção de chips de 4 nm em alguns de seus equipamentos. Neste caso, o site Nikkei, no mês passado, apostou que a novidade da vez chegaria, primeiramente, a iPads (provavelmente versão Pro).

Fornecedora estaria planejando início de produção.Fornecedora estaria planejando início de produção.Fonte:  Reprodução/TSMC 

Desempenho aprimorado

Comparada a abordagens "mais antigas", a arquitetura de 3 nm ofereceria desempenho aprimorado e maior eficiência energética aos dispositivos dos quais fizesse parte, uma vez que redução de lacunas entre transistores de um chip geralmente resulta em um design mais eficiente.

Ainda assim, resta esperar mais detalhes a respeito da empreitada — que, atualmente, não passa de "fofoca" até que a Apple revele suas estratégias oficialmente.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.