Apple vai trocar baterias de MacBooks Pro que não passam de 1%

1 min de leitura
Imagem de: Apple vai trocar baterias de MacBooks Pro que não passam de 1%
Imagem: Wikimedia Commons
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

A Apple anunciou nesta terça-feira (9) que vai trocar a bateria defeituosa de alguns modelos de MacBook Pro das gerações 2016 e 2017.

De acordo com a empresa, os componentes apresentam um defeito no carregamento e impedem que a transferência de energia ultrapasse o 1%. Ao conferir o status da bateria, o usuário se depara com a mensagem "Serviço recomendado".

Os modelos afetados são os seguintes:

  • MacBook Pro (13", 2016, duas portas Thunderbolt 3)
  • MacBook Pro (13", 2017, duas portas Thunderbolt 3)
  • MacBook Pro (13", 2016, quatro portas Thunderbolt 3)
  • MacBook Pro (13", 2017, quatro portas Thunderbolt 3)
  • MacBook Pro (15", 2016)
  • MacBook Pro (15", 2017)

Em 2018, ambas as gerações passaram por outra substituição por causa de um erro no teclado. Em 2019, o problema também envolveu a bateria, que poderia inchar causar riscos ao usuário.

O que fazer?

O primeiro passo se você está passando ou não por esse problema é atualizar o sistema operacional do seu MacBook Pro para a versão mais recente. A empresa lançou um novo firmware que pode corrigir ou impedir essa falha. O ideal é que você passe para o macOS Big Sur 11.2.1 ou a atualização suplementar do macOS Catalina 10.15.7.

Se o erro persistir, entre em contato com a Apple para que a bateria seja substituída gratuitamente. Isso deve ser feito pelo suporte da empresa, usando o site oficial da fabricante para escolher a melhor opção de contato e seguir com o procedimento.

O dispositivo passará primeiro por uma análise antes de a companhia confirmar que o componente será substituído.

Fontes