Protótipo do Apple Watch é encontrado por colecionador

1 min de leitura
Imagem de: Protótipo do Apple Watch é encontrado por colecionador
Imagem: Giulio Zompetti/Reprodução
Avatar do autor

Um colecionador aparentemente conseguiu seis protótipos do Apple Watch datados de um ano antes ao lançamento oficial. Sem revelar a real origem dos produtos, os relógios não funcionam e são extremamente semelhantes aos smartwatches da Apple.

Os raros dispositivos nunca foram vistos antes. Giulio Zompetti, o colecionador italiano de 27 anos, conversou com a equipe do site Motherboard sobre sua compra de meia dúzia de unidades do Apple Watch. Ele se recusou a dizer qual é a origem dos produtos, mas alega ter encontrado em um estabelecimento de venda de resíduos eletrônicos.

Segundo o rapaz, alguns dos relógios contam com a logo da estrela da morte, arma icônica do universo de Star Wars e também conhecida por ser impressa em outros protótipos da Apple. As outras marcas — códigos e QR Codes — espalhadas pelo corpo do aparelho também já foram flagradas em outros vazamentos.

Dispositivos apresentam arranhões, rachaduras e marcas, mas podem ser reparadosDispositivos apresentam arranhões, rachaduras e marcas, mas podem ser reparados.Fonte:  Giulio Zompetti/Reprodução 

Extremamente valioso

Zompetti disse que pretende reparar todos os aparelhos e vendê-los por milhares de dólares. Ao pesquisar pelo valor desses produtos no mercado, a Motherboard descobriu que esses protótipos são realmente valiosos, sendo objeto de interesse de hackers e colecionadores.

Com essas unidades de teste, hackers podem abusar de um sistema com segurança desabilitada e entender como ele funciona. Assim, a técnica desenvolvida pode ser aplicada a dispositivos reais ou podem ser descritas para a Apple em troca de uma recompensa, como fazem os hackers do bem” em bug bounty.

Além disso, até a Apple poderia se aproveitar da existência desses produtos especiais. Todo o processo de desenvolvimento de um projeto até a produção em massa para venda é algo extremamente interessante e pode atrair bastante atenção para Apple Stores do mundo.

a.(Fonte: Giulio Zompetti/Reprodução)

Ainda que seja algo inusitado, a Apple ainda não se pronunciou sobre o achado.