LG vai fornecer telas flexíveis OLED para a Apple em 2020

1 min de leitura
Imagem de: LG vai fornecer telas flexíveis OLED para a Apple em 2020
Avatar do autor

Com a inauguração da fábrica E6, a LG pretende se tornar a segunda fornecedora de painéis OLED para a Apple, dividindo a missão de igual para igual com a Samsung a partir de 2020.

Atualmente, a LG vem fornecendo as telas usadas nos reparos dos novos iPhones, pois a demanda é baixa. Já a nova fábrica deve fazer com que a companhia consiga fornecer telas já para o iPhone 11, em 2019. No entanto, em 2020, a meta é que 50% das telas OLED da Apple sejam fabricadas pela LG.

Apple quer acabar com monopólio da Samsung

A Apple tem investido na LG para que a companhia consiga se expandir no setor o quanto antes. Hoje, a Samsung fornece a maioria esmagadora das telas das quais a Apple precisa e, por isso, cobra o quanto quer.

Alguns rumores dizem que a Samsung cobra cerca de US$ 100 pela tela do iPhone X, o que representa 33% do valor total dos componentes. Para o iPhone XS, esse valor seria ainda mais alto, pois a Apple cobra US$ 329 por sua substituição.

A Apple não gosta de depender de fornecedores de componentes terceirizados, muito menos quando determinada peça é fabricada por apenas uma empresa.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
LG vai fornecer telas flexíveis OLED para a Apple em 2020