(Fonte da imagem: Reprodução/PhoneArena)

O site Phonearena lançou mais um capítulo na disputa entre processadores de dispositivos móveis, colocando para brigar o Tegra K1, da NVIDIA, e o Snapdragon 801, da Qualcomm. Enquanto o primeiro só deve aparecer em tablets ou smartphones do segundo semestre de 2014, o segundo já está em gadgets atuais de elite, como o Galaxy S5 e o Xperia Z2.

A diferença mais gritante talvez esteja na GPU. O Tegra K1 tem um processador gráfico Kepler de 192 núcleos que roda a 950 MHz, contra os 578 MHz da Adreno 330 presente no Snapdragon 801.

Mas isso não significa uma vitória de lavada, já que o chip da NVIDIA precisa dedicar muito mais consumo de energia ao componente, podendo causar até superaquecimento. Em declarações oficiais, a fabricante diz que é capaz de deixar o chip na mesma capacidade de consumo da rival.

Benchmarks e futuro

Na área de benchmarks, há pouca referência. Como os processadores são novos e não estão presentes em vários produtos no mercado, só testes como o AnTuTu são conclusivos. Nele, tanto a versão de 32 bits quanto a de 64 bits derrota o Snapdragon 801 por cerca de 20% – e, novamente, não adianta comemorar ou lamentar, já que o Tegra K1 usado está em uma plataforma de referência, como um tablet genérico, não em um dispositivo comercial.

Por enquanto, o Snapdragon 801 foi usado apenas em smartphones – ou seja, espere ainda vários capítulos dessa guerra, que ganhará novos competidores em breve, com o quad-core Cortex A15 e outros concorrentes.

Cupons de desconto TecMundo: