Recentemente, a atriz norte-americana Jennifer Lawrence teve a intimidade exposta ao ter fotos vazadas na internet — nas quais ela aparecia nua e que deram origem a uma série de desconfianças relacionada à segurança do iCloud. Agora, ela volta a falar sobre o caso e diz que o vazamento de conteúdos deste tipo deveria ser considerado “abuso sexual”, não sendo tratado apenas como crime virtual.

Para a revista Vanity Fair, Lawrence disse: “Não é porque eu sou uma figura pública, uma atriz... Isso não significa que eu pedi por isso! Isso não significa que sou um território. É o meu copo e deveria ser minha escolha. O fato de eu não ter escolhido isso é absolutamente asqueroso. Eu não consigo nem mesmo acreditar que vivemos no mesmo tipo de mundo!”.

Ela foi bem incisiva ao dizer que isso não deveria ser tratado como um escândalo, mas sim como uma violação. Por essa razão, as leis deveriam ser mais claras e incisivas contra pessoas que submetem as outras a qualquer tipo de exposição forçada. Para a VF, a atriz ainda revelou que começou a escrever um pedido público de desculpas, mas parou por entender que não precisa pedir desculpas por nada.

Infelizmente, vazamentos deste tipo ainda devem estar longe de terminar e leis mais duras poderiam realmente fazer com que os responsáveis pensassem duas vezes antes de divulgar qualquer conteúdo. Se você quer saber mais sobre o tema, nós criamos um artigo para dar algumas dicas de como agir caso esse tipo de vazamento aconteça com você.

Cupons de desconto TecMundo: