Desde que surgiram os primeiros rumores sobre o PRISM, muitos estão falando sobre o quanto é inseguro navegar na internet atualmente. Mesmo com algumas empresas dizendo que não há razões para se preocupar, há muitos usuários que temem pela segurança de seus dados enquanto navegam ou conversam por telefones celulares — uma vez que haveria até operadoras de telefonia envolvidas no projeto da NSA.

Mas nem todos estão com medo, pois há muita gente ganhando dinheiro com essa história. Uma empresa de segurança digital chamada Disconnect é um grande exemplo disso. Responsável pelo desenvolvimento de aplicativos antirastreio, a companhia acabou de receber investimentos de cerca de US$ 3,5 milhões — oriundos da FirstMark Capital.

Com o dinheiro, a Disconnect vai investir em novas ferramentas que possam deixar os usuários de internet ainda mais seguros. Atualmente, a empresa possui duas extensões criadas para os navegadores, sendo elas responsáveis pelo bloqueio nas interceptações de dados e cookies instalados nos computadores. O sistema consegue garantir mais velocidade e privacidade em qualquer navegação.

A primeira versão funciona em qualquer navegador, mas a segunda ainda é restrita aos softwares Opera e Safari. Outra empresa similar é a DuckDuckGo, que também recebeu novos clientes e está ampliando seus ganhos desde que o PRISM foi revelado ao público norte-americano. Várias outras empresas devem se beneficiar dessa novidade, mas ainda não é possível prever ganhos para elas. 

Cupons de desconto TecMundo: