Aparentemente, acabou a relação virtual entre o publicitário Jeferson Monteiro e a presidente do Brasil, Dilma Rousseff. Monteiro, criador e responsável por atualizar os perfis da fake "Dilma Bolada" nas redes sociais, agora passou para o time dos críticos ao governo do Partido dos Trabalhadores (PT).

Em postagens no Twitter, o perfil cita uma recente pesquisa que mostra apenas 10% de aprovação do governo por parte dos eleitores, além de criticar que somente banqueiros, o PMDB e parentes de políticos seriam as pessoas contentes com a presidente.

Confira a postagem abaixo:

A Dilma Bolada é um personagem presente no Twitter e no Facebook que ficou famosa por fazer uma espécie de sátira bem humorada da presidente — tudo isso enquanto alfineta a oposição e valoriza a imagem da Dilma de verdade. A quantidade de seguidores e a popularidade das postagens fez o perfil até ganhar um prêmio internacional em 2012.

No Facebook, Monteiro fez um desabafo e também culpou as cessões feitas por Dilma ao partido do vice-presidente, Michel Temer, e do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha.

Dilma não precisa do meu apoio no Governo dela, nem o meu e nem do apoio de ninguém que votou nela. Afinal, para ela só...

Posted by Jeferson Monteiro on Quarta, 30 de setembro de 2015

Em 2013, Bolada e Rousseff conversaram no Twitter em uma interação que parou o Twitter. No ano seguinte, no início da campanha eleitoral para a reeleição, Monteiro tirou a página do Facebook do ar e voltou do nada logo depois, levantando suspeitas a respeito de possíveis negociações entre o publicitário e o governo — algo negado por ambos os lados.

O que você acha da página Dilma Bolada nas redes sociais? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: