A pornografia está migrando rapidamente dos computadores para os celulares. A popularização dos smartphones fez explodir o número de acessos aos sites adultos a partir de dispositivos Android e iOS, e nada melhor do que um especialista no assunto para investigar melhor as preferências desse público crescente. 

O Pornhub foi atrás dos dados e descobriu que, em 2010, as conexões feitas a partir dos celulares representavam apenas 12% do total. Esse número cresceu muito e, em 2015, já compreende 63% do tráfego dos sites pornôs. Ou seja, tem mais gente vendo safadezas pelo smartphone do que pelo computador. Android e iPhone estão praticamente empatados no número de acessos, como mostra o gráfico abaixo:

Mas quando analisamos smartphones e tablets separadamente, é possível perceber a diferença entre os dois sistemas. Enquanto o Android lidera nos celulares, com 10 pontos de vantagem, o iOS supera o robozinho verde nos dispositivos maiores, com 38% de diferença:

A pesquisa também revelou que os usuários do Android passam mais tempo navegando pelos sites, com uma média de quase um minuto e meio a mais que os donos de um dispositivo iOS. Na quantidade de páginas, outra vitória do SO da Google: aproximadamente uma página a mais. 

Os usuários dos dois sistemas têm fetiches um pouco diferentes.  O termo MILF (um acrônimo em inglês que faz referência a mulheres mais velhas) é mais buscado entre os usuários da Maçã, se comparado aos do Android. Já o termo mais pesquisado no SO do robô é o BBW (acrônimo em inglês que faz referência a mulheres acima do peso):

Analisando-se as palavras-chaves mais buscadas, notamos um empate. A palavra “lésbica” é a mais requisitada entre os usuários dos dois sistemas operacionais:

 

Cada sistema operacional tem sua estrela pornô preferida: no Android, é a Lisa Ann; no iOS, a Kim Kardashian:

 

A pesquisa realizada pelo Pornhub também mostrou que, no Brasil, 69% dos acessos são feitos pelo Android, enquanto 23% são provenientes do iOS. Isso também é um reflexo do mercado de ambos os sistemas operacionais em nosso país. Confira:

 

Na divisão por gêneros, as mulheres representam quase 26% dos usuários mobile, enquanto os homens dominam com quase 75%:

 

Quanto à idade, quase 75% dos acessos mobile são feitos por pessoas entre 18 e 34 anos:

 

Você pode conferir muito mais dados através deste link.

Você costuma acessar sites de conteúdo adulto pelo celular? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: