A Apple “venceu” uma disputa contra a Samsung na justiça norte-americana que já vinha se desenvolvendo havia pelo menos quatro anos. A criadora dos iPhones conseguiu que o tribunal federal para apelações dos EUA condenasse a Samsung a parar de utilizar três recursos em seus smartphones e tablets que a coreana teria copiado do iOS, todos legalmente registrados por patentes.

Essa mesma disputa já tinha sido travada anteriormente e levantou bastante polêmica na época. A Samsung foi condenada a pagar uma quantia astronômica para a Apple por conta desses mesmos itens, mas a coreana apelou da decisão, e o valor caiu para US$ 119,6 milhões, pouco mais de 10% da multa original. Não satisfeita, a Maçã voltou aos tribunais para forçar a concorrente a deixar de violar suas patentes e, desta vez, alcançou seu objetivo. A Samsung, entretanto, ainda pode recorrer.

O motivo da disputa

A disputa original entre Apple e Samsung é referente a três itens patenteados pela empresa norte-americana: o “deslize para desbloquear” da tela inicial do iOS, o Autocorrect e os Quicklinks. Atualmente, entretanto, nenhum dos dois primeiros recursos está mais presente em aparelhos da coreana, e apenas um dispositivo ainda é comercializado com os Quicklinks.

Em ambas as disputas, Google, HTC, LG e Rackspace Hosting apoiavam a Samsung oficialmente, tendo inclusive enviado uma carta para o tribunal responsável explicando seus posicionamentos.

Não há nada oficial sobre o assunto até o momento, mas parece que a Apple já prepara uma nova investida contra a Samsung por outras supostas violações de suas patentes em smartphones atualmente vendidos.

Cupons de desconto TecMundo: