O chefe da divisão de TVs da Panasonic, Masahiro Shinada, tem uma boa notícia para você: ao menos de acordo com as previsões do executivo, os televisores com tecnologia OLED ficarão mais baratos daqui a dois ou três anos. Isso significa que, no máximo até 2018, o preço desse tipo de aparelho já será bem mais acessível ao consumidor.

O motivo é a queda de preços na produção de paineis maiores de OLED, como os usados em placas ou displays variados. Quando o custo de produção desses produtos diminuírem e as fabricantes melhorarem a taxa de acerto na confecção da tecnologia, a proporção de telas prontas para o comércio também será maior e, consequentemente, o valor de venda cai.

Shinada comentou ainda sobre os televisores com tela curvada — e, surpreendentemente, ele é contra a tecnologia. "O benefício para o consumidor não é tão grande", disse o executivo ao site Cnet, dando a entender que o próximo grande lançamento da Panasonic na área será plano e reto novamente. Vale lembrar que a marca dispensou o plasma há algum tempo e abraçou de vez o OLED 4K.

A tecnologia OLED é cara de ser produzida e exige um equipamento moderno e igualmente custoso. Ainda assim, ela garante uma qualidade de imagem muito superior ao LCD, por exemplo. Samsung e LG (que é uma das empresas que investe cada vez mais no OLED) são as atuais líderes do mercado de televisores.

Cupons de desconto TecMundo: