(Fonte da imagem: Reprodução/Panorama Audiovisual)

A Panasonic confirmou nesta semana que vai investir pelo menos US$ 2,7 bilhões (o equivalente a R$ 5,4 bilhões) nos próximos anos para reestruturar completamente a empresa. Em entrevista à agência Reuters, o presidente da companhia destacou que a empresa quer expandir negócios nos setores de automóveis e de habitação.

A participação majoritária no negócio de logística Nippon Express será vendida e a empresa deve buscar investimentos externos para a sua divisão de saúde. Assim como a Sony e a Sharp, a Panasonic tem sofrido no mercado de televisores, em especial por conta do sucesso dos rivais sul-coreanos LG e Samsung.

A Panasonic é hoje a maior empregadora comercial do Japão, contando hoje com cerca de 300 mil funcionários. Ainda assim, nos últimos dois anos a empresa foi obrigada a demitir 40 mil pessoas e, pelo segundo ano consecutivo, a Panasonic deve fechar o ano fiscal com prejuízo. A empresa espera que com a reestruturação seja possível crescer novamente já no próximo ano.

Cupons de desconto TecMundo: