Lenovo anunciou em seu evento Tech World, realizado hoje em São Francisco, EUA, seus novos smartphones top de linha da família Moto: os Moto Z e Z Force. Os aparelhos são cheios de novidades, como as Moto Mods/Snaps e o design superfino e compacto. Esses e muitos outros detalhes ofuscaram o fato de os aparelhos não possuírem o tradicional plugue de 3,5 mm para fones de ouvido.

Jornalistas que estiveram presentes no evento só notaram a falta da conexão ao comparecerem à sala de testes dos dispositivos no fim do evento, e alguns de nossos leitores atentos também perceberam isso.

Na lista de especificações dos dispositivos, a Lenovo informa que vai enviar na caixa um fone de ouvido com conexão USB-C e, junto com ele, um adaptador USB-C/3,5 mm para que as pessoas não precisem abandonar seus fones atuais quando comprarem um Moto Z.

A migração começou de vez

É curioso comentar sobre isso porque a Lenovo/Motorola é a primeira grande marca de smartphones a ter coragem de fazer essa mudança em seus smartphones. Vários aparelhos de fabricantes chinesas menores já o fizeram, mas nenhum deles gerou muito burburinho na web por causa disso. Há vários meses, rumores têm indicado ainda que a Apple deve seguir essa linha e abandonar o conector de 3,5 mm em favor do Lightning.

A Lenovo é a primeira grande marca de smartphones a ter coragem de fazer essa mudança

Já existem inclusive alguns fones de ouvido com plugues Lightning à venda, mas os USB-C são bem raros ainda. Espera-se que, com o lançamento do Moto Z em escala global, isso possa mudar. Também não seria uma surpresa alguma empresa qualquer lançar um Moto Mode/Snap focado em áudio que tenha uma porta de fones de ouvido tradicional.

Tendo isso em vista, podemos dizer então que a entrada USB-C será a única conexão física do Moto Z se não considerarmos os pinos da parte traseira que fazem a integração com os módulos. Será que as pessoas vão se incomodar com isso, ou ninguém vai se importar de verdade, já que há um adaptador na caixa?

Cupons de desconto TecMundo: