Oppo planeja lançar carros elétricos e autônomos a partir de 2023

1 min de leitura
Imagem de: Oppo planeja lançar carros elétricos e autônomos a partir de 2023
Imagem: Unsplash
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Além de celulares e outros gadgets, o portfólio da Oppo pode passar a contar com produtos automotivos em breve, incluindo carros elétricos e também veículos autônomos, chegando primeiro ao mercado indiano. É o que sugere o site 91mobiles nesta segunda-feira (22), após ouvir uma fonte familiarizada com o assunto.

Conforme o informante, os planos da marca chinesa de produzir modelos eletrificados e automóveis com sistema de direção autônoma são reais e ela já teria iniciado o planejamento. A publicação afirma ainda que a Realme e a OnePlus, igualmente pertencentes ao grupo BBK Electronics, também serão envolvidas no projeto.

Recentemente, essas empresas registraram marcas relacionadas a uma ampla gama de produtos automotivos na Índia. Além dos carros, as companhias estariam planejando ainda a produção de scooters elétricas de baixo custo no país asiático.

As vendas de elétricos na Índia cresceram 234% em 2021.As vendas de elétricos na Índia cresceram 234% em 2021.Fonte:  Unsplash 

Por enquanto, não há qualquer detalhe técnico sobre o especulado carro elétrico da Oppo nem a respeito da versão sem motorista, mas a reportagem diz que o lançamento pode acontecer entre o final de 2023 e o início de 2024. Nesta mesma época, é prevista a estreia da Xiaomi no segmento, começando pela China.

Oppo Carlink

Enquanto a produção do carro movido a energia segue como especulação, a Oppo já ingressou oficialmente no mercado de automóveis. Em outubro, a marca lançou o seu sistema para carros inteligentes, que chega para rivalizar com o Android Auto e o Apple CarPlay.

Com estreia marcada para 2022, o Oppo Carlink é uma plataforma que oferece diversas funções. De chaves digitais para carros à possibilidade de controlar o veículo por meio do smartwatch, segundo a companhia, a novidade inclui uma solução de tela inteligente.

A marca afirma ter começado a trabalhar com mais de 70 parceiros, incluindo montadoras, para levar o Carlink a mais de 15 milhões de veículos no próximo ano. O sistema deve ser disponibilizado também para patinetes e motos.