Xiaomi lidera investimento de US$ 62 milhões em startup de carros

1 min de leitura
Imagem de: Xiaomi lidera investimento de US$ 62 milhões em startup de carros
Imagem: Pixabay/Mikes-Photography/Reprodução
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Depois de alcançar os primeiros postos do mercado mundial de smartphone, a Xiaomi volta a atenção para a indústria de mobilidade. Nesta segunda-feira (02), a empresa chinesa liderou um investimento de US$ 62 milhões, em parceria com a Matrix Partners China e Baidu Ventures, na startup Geometrical Partner, especializada em carros autônomos.

Esse é a segundo grande investimento no setor de mobilidade elétrica que a Xiaomi realiza este ano. Em junho, a companhia participou de uma rodada de investimentos que rendeu US$ 190 milhões para a Zongmu, que também pretende desenvolver um sistema de direção autônoma.

Mas esses não são os únicos investimentos da chinesa no setor de transporte. Desde 2015, a Xiaomi oferece soluções de mobilidade. Em seu portfólio, a empresa possui uma patinete elétrica com autonomia de 45 km. Em um futuro breve, a companhia pretende lançar uma linha de scooters a eletricidade mais baratas que smartphones, com preços a partir de US$ 566.

Os investimentos da Xiaomi em carros elétricos

Empresa comprada por Xiaomi fornece sistema de estacionamento com manobrista automatizado para montadora chinesa. (Fonte: Faw Group/Reprodução)Empresa comprada por Xiaomi fornece sistema de estacionamento com manobrista automatizado para montadora chinesa. (Fonte: Faw Group/Reprodução)Fonte:  Faw Group/Reprodução 

Os planos de expansão de negócios da fabricante de smartphones vai muito além. Em março, a Xiaomi criou um fundo de US$ 10 bilhões, que serão investidos nos próximos 10 anos, para tornar possível a sua divisão de carros elétricos. Segundo relatório da Reuters, o lançamento do primeiro automóvel a eletricidade da marca está previsto para acontecer em 2023.

A startup Geometrical Partner foi fundada em 2018 e fornece o nível L2-L4 de soluções de direção autônoma em hardware e software. A empresa desenvolveu um radar de imagem de onda milimétrica 4D para substituir o equipamento de onda milimétrica tradicional. A startup também está trabalhando com várias montadoras para instalar seus sistemas nos automóveis.

Já o primeiro investimento da Xiaomi no setor, a Zongmu foi fundada em 2013 e se concentra no desenvolvimento de direção autônoma, tecnologias avançadas de assistência ao motorista e produtos relacionados ao posicionamento e mapeamento. A empresa também é conhecida por seu sistema de estacionamento com manobrista automatizado, que pode ser encontrado em um modelo SUV fabricado pela montadora chinesa FAW Group.