Huawei pode lançar carro elétrico ainda em 2021

1 min de leitura
Imagem de: Huawei pode lançar carro elétrico ainda em 2021
Imagem: Digital Trends
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Mais uma fabricante de smartphones pode estar interessada no mercado de carros elétricos: a Huawei. De acordo com fontes da Reuters, a empresa está conversando com montadoras chinesas e pode lançar um veículo ainda em 2021.

As companhias consultadas pela Huawei incluem a Changan Automobile, que é controlada pelo governo chinês, e a BluePark New Energy Technology, do grupo BAIC.

Fonte:  Next Pit 

A Huawei não confirmou estar montando um carro próprio, mas comentou sobre o interesse na área em um comunicado enviado para a Reuters. A empresa diz que pretende oferecer tecnologias para a construção de veículos mais inteligentes e conectados.

"A Huawei não é fabricante de automóveis", ressalta a empresa. "No entanto, por meio de tecnologia de informação e comunicação, pretendemos ser um fornecedor digital de componentes novos e orientados para o carro, permitindo que as fabricantes construam veículos melhores."

Novo foco após banimento

O interesse da Huawei no mercado de veículos elétricos estaria ligado ao banimento da empresa nos Estados Unidos. Nos últimos dois anos, a marca sofreu com as sanções proibitivas do país, que prejudicaram a atuação da companhia no setor de smartphones e telecomunicações.

As fontes da Reuters apontam que Richard Yu, CEO da Huawei, vê os carros elétricos como um possível novo foco para a fabricante. O segmento tem potencial de crescimento e altas margens de lucros, tanto que a Apple pretende entrar no setor futuramente, segundo especulações.

Na China, o mercado de veículos elétricos e híbridos deve crescer cerca de 20% até 2025, estima a Reuters. Até o fim deste ano, a expectativa é que aproximadamente 1,8 milhão de carros movidos com energia limpa sejam vendidos no país, um aumento considerável em comparação aos 1,3 milhão comercializados no ano passado.

Huawei pode lançar carro elétrico ainda em 2021