Carros da Ford terão Android Auto nativamente a partir de 2023

1 min de leitura
Imagem de: Carros da Ford terão Android Auto nativamente a partir de 2023
Imagem: Ford/Divulgação
Avatar do autor

A Google e a Ford anunciaram hoje (1º) uma parceria que promete “reinventar a experiência do carro conectado”, com a utilização do Android Auto para alimentar o sistema de infoentretenimento Sync dos veículos fabricados pela montadora americana, a partir de 2023.

Essa novidade permitirá aos donos de automóveis da Ford com o sistema da gigante de buscas integrado usar o Google Maps e os demais apps fornecidos pela companhia sem a necessidade de ter um celular Android conectado, como acontece atualmente. A parceria não afetará as compatibilidades existentes com o Apple CarPlay e a Amazon Alexa.

A integração do Android Auto ao Sync também dará aos motoristas a possibilidade de usar o Google Assistente para realizar tarefas por comandos de voz, sem tirar os olhos da estrada, e oferecerá acesso a versões customizadas de apps para ouvir música, audiolivros e podcasts, entre outros serviços para uso no veículo.

Motoristas e passageiros terão acesso a versões customizadas de apps para uso exclusivo nos automóveis da Ford.Motoristas e passageiros terão acesso a versões customizadas de apps para uso exclusivo nos automóveis da Ford.Fonte:  Ford/Divulgação 

Por enquanto, a montadora não informou quais modelos receberão a plataforma. A fabricante se limitou a dizer que “milhões de futuros veículos”, em todas as faixas de preço, “serão movidos por Android”, incluindo também os automóveis da Lincoln (marca de luxo do grupo).

Google Cloud

Com duração inicial prevista de seis anos, a parceria entre Ford e Google também inclui a utilização do Google Cloud como provedor de nuvem preferencial da montadora para os seus serviços de carros conectados.

Outro detalhe é que as duas companhias irão criar um grupo colaborativo denominado “Team Upshift”, cuja tarefa principal será desenvolver experiências personalizadas para o consumidor, baseadas em dados. Esse projeto poderá incluir desde a modernização das fábricas com o uso de inteligência artificial a novas experiências ao comprar um carro, por exemplo.

A montadora não comentou sobre a possibilidade de atualização dos modelos atuais para o futuro Sync com Android.

Carros da Ford terão Android Auto nativamente a partir de 2023