Kombi elétrica da Volkswagen poderá se chamar 'e-Samba'

1 min de leitura
Imagem de: Kombi elétrica da Volkswagen poderá se chamar 'e-Samba'
Imagem: Volkswagen
Avatar do autor

A versão elétrica e autônoma da Kombi clássica, anunciada pela Volkswagen para 2022, poderá se chamar e-Samba. Segundo o site Insidevs, a montadora alemã solicitou o registro da nova marca na última quarta-feira (24).

Chamado até agora de "I.D. Buzz", o veículo terá quatro motores elétricos que, junto com a bateria, entregarão 600 km de autonomia. Quanto ao desempenho, a expectativa é que ela vá de 0 a 100 km/h em 5 segundos. A velocidade máxima, contudo, será limitada a 160 km/h por questões de segurança.

Espera-se que o modelo tenha uma versão de entrada, com um motor de 200 cv em cada eixo, gerando uma potência combinada de 375 cv. Nesta versão, a autonomia será reduzida aos 400 km.

Além de função tradicional de automóvel, a Kombi poderá ser utilizada como uma espécie de escritório móvel devido à sua configuração interna e seu alto grau de conectividade.

a  Volkswagen/Divulgação 

Design da nova Kombi

A clássica silhueta de "pão de fôrma" colabora para o interior espaçoso da nova Kombi. O assoalho totalmente plano facilita a circulação na cabine até que todos os oito passageiros estejam devidamente acomodados.

Um dos motivos para que a cabine seja tão espaçosa é o posicionamento estratégico dos motores elétricos abaixo do assoalho.

Além de muito espaço interno, o I.D. Buzz terá uma capacidade de armazenamento satisfatória, com dois porta-malas, um na frente e outro na traseira. A expectativa é que a versão de produção explore ainda um outro atributo: a modularidade interna.

Trilhos no interior da Kombi permitirão a movimentação dos bancosTrilhos no interior da Kombi permitirão a movimentação dos bancosFonte:  Volkswagen/Divulgação 

eClassics e Volkswagen

Ainda há a possibilidade de que o I.D. Buzz não receba o nome e-Samba. Nesse caso, segundo o Insidevs, a explicação é que a montadora alemã e o eClassics estariam desenvolvendo outro carro. As empresas já revelaram o e-Bulli, que é essencialmente uma versão reestruturada e elétrica da Kombi T1. Então, é possível que uma nova parceria esteja se formando para a construção de um veículo chamado e-Samba.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Kombi elétrica da Volkswagen poderá se chamar 'e-Samba'