Toyota investe em empresa de táxis voadores Joby de olho no futuro

1 min de leitura
Imagem de: Toyota investe em empresa de táxis voadores Joby de olho no futuro
Avatar do autor

A tradicional montadora Toyota anunciou um investimento de grande porte na Joby, uma até então desconhecida empresa que planeja o desenvolvimento de carro voador para serviços de táxi aéreo. A gigante injetou US$ 394 milhões no projeto, participando de uma rodada de financiamentos que levantou ao todo US$ 590 milhões.

A Joby estava longe de ser um dos nomes mais famosos nesse setor, mas revelou detalhes do projeto após o anúncio do financiamemento. O projeto atual da empresa é um eVTOL — veículo elétrico de decolagem e aterrissagem na vertical.

Além do investimento financeiro, a Toyota promete ajudar com o compartilhamento de experiência, equipamentos e técnicas de fabricação, qualidade e controles de orçamento. Anteriormente, a empresa já havia fechado uma parceria com a Uber para ser uma das fornecedoras de veículos para serviços de transporte aéreo pelo aplicativo — que teve o catálogo expandido com a Hyundai e o seu protótipo voador apresentado na CES 2020.

Leia tambémToyota anuncia construção da cidade do futuro no Japão

Conheça o Joby

O protótipo ainda não tem nome ou vídeo de apresentação, mas as imagens indicam a inspiração em drones no formato de quadricópteros.

Fonte da imagem: Divulgação/Joby

O veículo com seis pás rotoras tem capacidade para cinco pessoas (incluindo o motorista), é extremamente silenciosa mesmo durante pouso ou decolagem e tem zero emissão de carbono. Ela atinge velocidades de até 321 km/h. Em uma carga de bateria, o veículo pode voar por aproximadamente 240 km.

Cupons de desconto TecMundo:

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Toyota investe em empresa de táxis voadores Joby de olho no futuro