Elon Musk revela atualização para navegador do Tesla baseada no Chromium

1 min de leitura
Imagem de: Elon Musk revela atualização para navegador do Tesla baseada no Chromium
Avatar do autor

O esquecido e problemático navegador web dos veículos Tesla finalmente receberá uma atualização. O recurso, que é utilizado por menos de 30% dos motoristas, será alterado para corrigir erros e aprimorar o desempenho do browser, utilizando o projeto open source da Google (Chromium), além de ajustes gerais de performance.

Donos de recém-comprados Model S e Model X podem ter notado uma melhora considerável na responsividade do dispositivo presente nos luxuosos carros; no entanto, a mudança não chegou aos modelos adquiridos anteriormente, tendo em vista que são alterações de hardware. Apesar disso, Elon Musk, CEO da empresa, garante que novos upgrades chegarão a todos os veículos.

(Imagem: Reprodução/Engadget)

As correções incluem o novo navegador web do computador de bordo. Atualmente, o dispositivo não é muito utilizado e apresenta muitos defeitos, como carregamento incompleto de páginas e bastante lentidão. Há 1 ano, a Tesla liberou uma atualização, mas não solucionou a maioria dos problemas.

Elon Musk revelou em um tweet que o novo browser usará o código do Chromium, presente em vários outros navegadores, como o Opera e o novo Edge. Isso significa que a próxima versão da ferramenta pode atender às demandas dos motoristas e finalmente torná-la popular.

Não foram revelados detalhes sobre a atualização, tampouco datas; no entanto, Musk diz que chegará em breve.

Novidades por todo lado

Recentemente, a Tesla revelou o novo carregador V3 Supercharger, que promete proporcionar 120 quilômetros de autonomia com apenas 5 minutos de carga, além de diminuir o tempo total de recarga. Ademais, o Model Y — novo SUV da Tesla — foi lançado e sua produção deve ser iniciada em 2020.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Elon Musk revela atualização para navegador do Tesla baseada no Chromium