A Aston Martin contratou Joerg Ross, ex-chefe de engenharia de motores da Ferrari e da Maserati, para ajudar no desenvolvimento de seu carro elétrico. O executivo, que passou inclusive pela equipe de Fórmula 1 da escuderia de Maranello, vem para cuidar dos projetos de conjuntos de motores e transmissões dos VEs da montadora britânica.

“Estamos muito felizes em dar as boas-vindas a Joerg no time da Aston Martin. Sua experiência e conhecimentos consideráveis serão muito valiosos para o time de engenharia agora que estamos preparando os negócios para a próxima geração de produtos da Aston Martin”, disse Max Szwaj, diretor técnico da marca.

Ross, por sua vez, afirmou que está empolgado com a oportunidade, visto que o momento é especial para a montadora: “Estou muito feliz em me juntar à Aston Martin nessa fase empolgante para a marca. A companhia está em um ponto muito significativo em sua história, com o anúncio recente de seu primeiro carro totalmente elétrico, o RapidE. Estou ansioso para fazer parte no desenvolvimento da estratégia de veículos futuros da marca”.

O engenheiro já havia trabalhado em um projeto de veículos elétricos da Ford no início do ano e estava ocupando a posição de responsável pelas unidades motrizes avançadas da Maserati.

Já a Aston Martin está se preparando para o desenvolvimento do RapidE, seu primeiro modelo 100% elétrico. O projeto teve um início turbulento com a saída da LeEco, uma das empresas que ajudaria na fabricação do veículo, mas a montadora parece ter conseguido contornar o problema ao tornar o carro uma edição limitada.